Cidades

Agência de Regulação assina o Termo de Compromisso de Gestão do Terminal Rodoviário de Almas

Com o termo, a prefeitura tem o direito de usar, administrar e explorar, inclusive comercialmente, o terminal, devendo zelar por seu funcionamento, conservação, manutenção e limpeza

Publicados

em


O presidente da Agência Tocantinense de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (ATR), Edson Cabral; e o prefeito do município de Almas, Wagner Nepomuceno, assinaram nesta segunda-feira, 29, o Termo de Compromisso de Gestão do Terminal Rodoviário de Almas.

Com o termo, a prefeitura tem o direito de usar, administrar e explorar, inclusive comercialmente, o terminal, devendo zelar por seu funcionamento, conservação, manutenção e limpeza. Já à ATR compete a regulação, o controle e a fiscalização de todos os terminais rodoviários de passageiros e do cumprimento dos termos de cessão de uso.

Na assinatura, o presidente da ATR destacou a preocupação do Governo do Tocantins em relação à situação dos terminais. O gestor pontuou que a Agência vem buscando realizar um levantamento da situação das rodoviárias em todo o Estado, para buscar com os municípios, a garantia do pleno funcionamento destes locais. ?Como agência reguladora, é nossa preocupação, principalmente nesse período de pandemia, que os terminais possam estar bem conservados, garantindo ao usuário dos serviços um ambiente saudável e seguro?, disse.

Essa também foi a preocupação expressa pelo prefeito Wagner Nepomuceno, ao enfatizar que a assinatura permite a regularização da administração do Terminal, a reforma e que a limpeza das instalações e sanitários do terminal serão providenciadas, já nos próximos meses.

Além do prefeito, estiveram presentes no ato da assinatura do Termo, o gerente de Regulação, de Transportes e Terminais Rodoviários da ATR, Carlos Alberto; e o gerente Municipal de Convênios GMC da Prefeitura de Almas, Uhallas Divino.

 

Ravena Santiago/Governo do Tocantins

Comentários do Facebook
Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Tocantins alcança segundo melhor conceito no Ranking Transparência no Combate à Covid-19

Com isso, alcançou 79,7 pontos fazendo com que a transparência das contratações emergenciais no período da pandemia no Estado alcançasse a classificação ?bom?, o segundo melhor conceito no ranking

Publicados

em

Por


Foto:Antônio Gonçalves/Governo do Tocantins

O Governo do Tocantins avançou 23 pontos na segunda rodada do ?Ranking Transparência no Combate à Covid-19?, promovido pela ONG Transparência Internacional – Brasil (TI). Com isso, alcançou 79,7 pontos fazendo com que a transparência das contratações emergenciais no período da pandemia no Estado alcançasse a classificação ?bom?, o segundo melhor conceito no ranking.

O estudo, divulgado nesta segunda-feira, 29, avalia a adequação e a transparência das informações relativas às contratações emergenciais por parte dos 26 governos dos estados, do Distrito Federal e das 26 capitais brasileiras. O resultado bom vai de 60 a 79 pontos e o ótimo de 80 e 100 pontos.           

?Faltaram apenas 0,3 décimos para alcançarmos o conceito máximo, que é o ?ótimo?, por isso, esse resultado é motivo de comemoração para nós. Isso é reflexo de todo um esforço para que as informações sejam disponibilizadas com mais objetividade e fácil acesso. Nosso trabalho é garantir a máxima eficácia na transparência pública da gestão, por isso continuamos trabalhando para chegar ao topo desse ranking?, destaca o secretário-chefe da Controladoria-Geral do Estado (CGE), Senivan Almeida de Arruda. 

Ranking

Na 16ª posição do ranking entre os 26 estados e o Distrito Federal, o Tocantins ficou ao lado do Pará e tomou a dianteira de dez estados brasileiros, sendo estes Rio Grande do Norte, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Piauí, Paraíba, Sergipe, Acre, Rio de Janeiro, Bahia e Roraima.  

 

Val Rodrigues/Governo do Tocantins

Comentários do Facebook
Continue lendo

Cidades

Governo de Goiás mantém destaque em ranking da Transparência Internacional

O Governo de Goiás subiu mais dez pontos no ranking divulgado hoje (29/6) pela Transparência Internacional/Brasil em relação à transparência dos dados sobre as contratações emergenciais no combate à Covid-19. O Estado continua entre os primeiros colocados no país – é o quinto , com 94,9 pontos e classificado como ótimo em escala que vai até 100. Na avaliação anterior, publicada em maio, Goiás estava com 84,8 pontos, também nas primeiras colocações

Publicados

em

Por


O ranking da Transparência Internacional levanta mensalmente as informações disponíveis nos portais da transparência de todos os estados e capitais relativas às aquisições de bens e serviços emergenciais para combater o coronavírus. O Governo de Goiás, por meio da Controladoria-Geral do Estado e da Secretaria da Saúde, criou em seu Portal da Transparência (www.transparencia.go.gov.br) o CoronaTransp, que reúne todas informações sobre os investimentos de recursos financeiros no enfrentamento da pandemia e sobre os dados epidemiológicos.
Nos painéis do CoronaTransp relativos às compras, base das avaliações do ranking, estão disponíveis dados abertos sobre a quantidade de itens, empresa vencedora, valor e órgão que fez a aquisição, além de um campo de busca com detalhes do objeto, descrição do item, órgão e nome do credor. É possível tabular e demonstrar os ganhadores das licitações e os valores investidos na aquisição dos produtos ou serviços. Todos os dados são extraídos do sistema de compras governamentais, o ComprasNet.
É determinação do governador Ronaldo Caiado que essa administração tenha a transparência dos atos como um de seus principais objetivos, para que a sociedade tenha clareza de como são investidos os recursos dos impostos. O Portal da Transparência de Goiás também é o primeiro colocado nacional, com 100 pontos, no ranking da Open Knowledge Brasil, que avalia o grau de transparência dos dados epidemiológicos.
Para tabular a pontuação dos estados, a Transparência Internacional/Brasil busca informações em portais dedicados às contratações emergenciais, no portal oficial do governo, no portal da transparência e nas redes sociais, entre outros. São avaliadas as informações disponíveis sobre as compras emergenciais, formatos em dados abertos, legislação, além de ações para controle social, tais como link para a Ouvidoria e possibilidade de pedido de acesso à informação. Goiás está bem pontuado em todas as tabelas.
Os dados desse ranking foram coletados nos sites oficiais e nas redes sociais dos governos entre os dias 15 e 18 de junho. A Transparência Internacional é uma organização não-governamental dedicada ao combate à corrupção. Com a sociedade civil, atua para promover a conscientização e o engajamento cidadão para o controle social da corrupção. Com os governos, empresas e organizações internacionais, desenvolve programas efetivos que ataquem este problema de forma sistêmica e que promovam conquistas duradouras e sustentáveis.
Com a Transparência Internacional/Brasil, Goiás já participa, juntamente com outros seis estados, do projeto Integridade nos Estados Brasileiros: uma iniciativa que visa cooperar com os governos estaduais no desenvolvimento de planos de enfrentamento da corrupção e promoção da integridade. Um dos motivos do desenvolvimento desse projeto é a qualidade e o estágio atual do Programa de Compliance Público do Poder Executivo do Estado de Goiás (PCP), um dos principais programas de integridade desenvolvidos no Brasil.

 

Governo de Goiás mantém destaque em ranking da Transparência Internacional

 

Comunicacaocge

Comentários do Facebook
Continue lendo

Cidades

Grupo se mobiliza para doar sangue em Ihumas GO

Doadores fazem parte do projeto Missão Calebe da Igreja Adventista do Sétimo Dia

Publicados

em

Por


Maycon Santos

 

A doação realizada pelos jovens irá auxiliar o banco de sangue da cidade neste momento de pandemia.

 

Cerca de 30 jovens das cidades de Inhumas e Itaberaí se mobilizaram para realizar doação de sangue em uma clínica na cidade de Inhumas, em Goiás. A ação foi realizada na manhã do último sábado (27).

 

Segundo o organizador, sempre que possível ele reúne os jovens para colaborar com o banco de sangue da cidade.

 

?Os hospitais estão cheios e precisando de sangue.  Essa foi uma forma que encontramos para ajudar o próximo neste momento difícil em que estamos vivendo?, ressaltou José Neto Ribeiro.

 

Fernanda Brandão, de 19 anos, doou sangue pela primeira vez. Ela expressou entusiasmo com a chance de ser solidária.

 

?Não custa nada separar esse tempo para contribuir e ajudar a salvar vidas de outras pessoas?, afirmou.

 

A diretora administrativa do banco de sangue de Ihnumas, Maria Barbosa, faz o convite para as pessoas retornarem ao consultório para fazer a doação.

 

?Nós agradecemos os doadores, pois neste momento as pessoas pararam de doar com medo da contaminação da COVID-19. O ambiente é totalmente seguro e seguimos todas as medidas de segurança?, afirmou.

 

A clínica fica na Rua Presidente Getúlio Vargas Q, 35 ? Setor Central, Inhumas.

 

Quem pode doar?

 

Qualquer pessoa em bom estado de saúde com idade entre 16 e 69 anos e com mais de 50 kg. É preciso manter uma boa alimentação nas 4h que antecedem a doação. Quem tomou a vacina da febre amarela ou gripe, não pode doar em menos de 30 dias.

 

Critérios para doar sangue:

 

Ter acima de 50 kg

Estar bem de saúde

Ter idade entre 16 e 69 anos

Estar bem alimentado

Apresentar documento original com foto

Menores de 18 anos precisam de autorização

 

Maycon Santos

 

 

Comentários do Facebook
Continue lendo

CIDADES

POLÍTICA

ECONOMIA

NACIONAL

MAIS LIDAS DA SEMANA